Home > Documents > ( Cyber )Bullying

( Cyber )Bullying

Date post: 07-Jan-2016
Category:
Author: maya
View: 76 times
Download: 0 times
Share this document with a friend
Description:
( Cyber )Bullying. Catarina Henriques. 8 de Junho de 2011. Índice. Conceitos Bullying Cyberbullying Tipos de Bullying Tipos de Intervenientes Consequências na vítima Contexto educativo Como ajudar Sugestão de Intervenção. Introdução. - PowerPoint PPT Presentation
Embed Size (px)
Popular Tags:
of 25 /25
Transcript
  • ConceitosBullyingCyberbullyingTipos de BullyingTipos de IntervenientesConsequncias na vtimaContexto educativoComo ajudarSugesto de Interveno

  • IntroduoDurante os ltimos 40 anos e em simultneo com estas mudanas no comportamento comunicativo, os investigadores tm estudado o fenmeno descrito na dcada de 1970 como bullying. Foi demonstrado que, para que se possa considerar um exemplo de bullying, a situao deve ter pelo menos trs condies: inteno de prejudicar a vtima, repetio do comportamento abusivo durante um perodo de tempo e um desequilbrio de poder entre a vtima e o agressor.

  • Bullying Compreende mltiplas formas de violncia fsica e/ou psicolgica intencionais e repetidas praticadas entre pares por um indivduo (bully) ou um grupo (bullies)ocorre sem motivao aparentecausa sofrimento s vtimas

    Relao DESIGUAL de poderhttp://www.youtube.com/watch?v=y0DKz_4cWys&feature=related

  • Bullying Prticas de intimidao e humilhao:Meter medo e ameaar Bater e empurrarRoubarInsultarEspalhar boatos humilhantesEnviar bilhetes ameaadoresMentir para implicar com a vtimaExcluir e rejeitarEtc.

    Consequncias negativas por vezes IRREVERSVEIS para a vtima = Traumas

  • (Cyber)bullyingConsiderado como um acto de agresso intencional, realizado repetidamente ou durante um perodo de tempo por um grupo ou indivduo, utilizando formas de contacto electrnicas, contra algum que no consegue defender-se facilmente.http://www.youtube.com/watch?v=ZGhT98fuPmI

  • (Cyber)bullyingBill Belsey afirma que o cyberbullying envolve a utilizao das TIC como uma plataforma para uma conduta hostil, repetitiva e intencional por parte de um grupo ou de um indivduo, cujo objectivo prejudicar os outros.

  • Prticas de intimidao e humilhao:Criar pginas falsas sobre a vtima em sites de relacionamentoPublicao de fotografias/vdeosElaborao de fotomontagens e envio por e-mail ao grupo de paresEnviar e-mails, sms, mms humilhantes/ameaadoresfurtar a password e utilizar a sua conta de e-mail ou redes sociais indevidamenteEtc.

    (Cyber)bullyingUM FENMENO SEM ROSTO!

  • Cinco tipos:Fsico recurso violncia fsicaVerbal recurso violncia verbalRelacional/racial excluso de grupos sociais/comportamentos racistasSexual tecidos comentrios sexuais e at contactos sexuaisCyberbullying Difamao com recurso s novas tecnologias (e.g., redes sociais, e-mail. Telemvel, etc.). Carlos Vilela e Sandra Diogo (2009)

    Tipos de Bullying

  • Tipos de Intervenientes - Bullying Agressor Reforador - apoia o agressorAuxiliar - apoia o agressorDefensor - tenta ajudar a vtimaObservador - ignora simplesmente o abusoVtima

  • Agressor Perfil:No so ciumentos;Alta auto-estima;Populares;Agressivos;Espertos/encantadores perante os adultos;Amizades baseadas no medo;Tem amigos (as) agressivos (as);Demonstram falta de empatia;Maior tendncia para comportamentos desviantes;

    Qualquer situao serve de desculpa

  • VtimaPerfil:Inteligentes;Sensveis;NEE;No so provenientes de famlias conflituosas;No sabem reagir quando so provocados;Baixa auto-estiva;Levam a srio as injurias do agressor;Dificuldade em fazer amigos;Etc.

  • Consequncias na vtimaDesinteresse pela escola;Dfice de concentrao e aprendizagem; Quebra no rendimento escolar;Baixa auto-estima;Isolamento;Stress, os sintomas psicossomticos;Transtornos psicolgicos, depresso e suicdio;

    http://www.youtube.com/watch?v=gQB1_Md9iBg&feature=related

  • Como ajudarReconhecer e descobrir o que est a acontecerEscolher o momento certo para conversarAjude a criana a desabafarReaja de forma calmaUtilize tcnicas de escuta activa (demonstrar que est a ouvir e a compreender)Colocar um travo (no tem que resolver tudo nesse momento)Elogie (reforo positivo).(Haber, J. & Glatzer, J, 2009:45-50)

  • Como ajudarSe a criana for alvo de bullying (Vtima)Escute os seus sentimentos de forma compreensiva/calma.Tente reunir a informao - pormenores do (s) incidente (s)Nunca culpe o seu filho por ser alvo de abusos ou intimidaes(Haber, J. & Glatzer, J, 2009:58)

  • Como ajudarConfira poderes ao seu filho ajude a delinear um planoExposio escrita aos docentes e funcionrios da escola;Ensinar o seu filho a proteger-seNo obrigue o seu filho a tomar um deciso para a qual no est preparado (afrontar o agressor)Recompense o seu filho por falar consigo (elogios)

    (Haber, J. & Glatzer, J, 2009:59)

  • Como ajudarQuando o filho o AgressorAceite a possibilidade de o seu filho ser agressor;Leve o assunto a srioReprima a sua raiva - fale de forma clara e calmaMantenha a criana orientada para assumir responsabilidadesQuero ouvir o que falar daquilo que fizeste e no do que a criana te fezPedir criana que se coloque na posio da vtima(Haber, J. & Glatzer, J, 2009:60-61)

  • Como ajudarQuando o filho o AgressorIncentivar a criana a mostrar que est arrependido e a encontrar soluesDiminuir a agressividade na vida do filhoLimitar a violncia televisiva e os jogos de vdeo

    (Haber, J. & Glatzer, J, 2009:61)

  • Abusos na EscolaO fenmeno de Bullying pode afectar de muitas formas a capacidade do aluno aprender (), influenciando os resultados escolares.http://www.youtube.com/watch?v=jniwxVRPwSY

  • Abusos na EscolaO corpo docente e funcionrios tero os seguintes deveres:Dar exemplos de comportamento saudveisEstar conscientes das diferentes formas de agresso e identific-lasEstar alertas quando as crianas se encontram em locais menos vigiadosAssegurar o auxlio a alvos (vtimas)

  • Abusos na EscolaO corpo docente e funcionrios tero os seguintes deveres:Documentar os maus tratosFazer relatrio, pormenorizado, do acontecimentoManter a confidencialidade.Agir em conformidade (Director turma e Direco)

    (Haber, J. & Glatzer, J, 2009:134)

  • Sugesto de IntervenoTrabalhar a temtica nas aulas de A.P. e/ou F.C:Elaborao de trabalhos:Cartazes, folhetos, palestras, etc.Nas aulas de TIC:Pesquisa de informao;Criao de blogues;Na Biblioteca Escolar (BE)Pesquisa de informao no fundo documental;Visionamento de filmes seguido de debates;

    Campanha de SENSIBILIZAOCriao de polticas Anti -(Cyber)Bullying:Comunidade Escolar

  • Referncias BibliogrficasHaber, J. & Glatzer, J. (2009) Bullying: Manual de Anti-agresso. Lisboa: Casa das LetrasMenezes, M. (2009).Vasco das Foras. Lisboa: Coisas de LerBoletim do Gabinete de Psicologia -3 (2006) do Externato de PenafirmeVilela, C. & Diogo, S. (2009) http://www.psicologia.com.pt/artigos/textos/TL0142.pdf http://www.youtube.com

  • Obrigada!


Recommended